CPA conquista 3 lugar na Taça de Portugal de BMX

Casa do Povo de Abrunheira termina em 3º na Taça de Portugal de BMX RACE 2017

foto 3No ano de estreia nesta modalidade, como equipa, e em consequência da sua consistência durante toda época, disputaram até á ultima de forma emotiva, o terceiro lugar. Para além deste grande resultado por equipas, destacam-se ainda excelentes prestações individuais que recordamos:

Carolina Claro 2º Lugar Femininas +15, Filipa Lopes 3º Lugar Femininas +15; Bruno Freitas 3º Lugar Masters; Pedro Pinto 4º Lugar Master e 4º Lugar Cruiser +30; Sauro Agostinho 4ºLugar Homens 17-29, Pedro Gaspar 5º Lugar Homens 17-29, Vitor Soares 7º Lugar Cadetes (apenas duas provas); Tomas Chumbo 8º Lugar Cadetes e David Alberto 9º Lugar Juvenil.

A taça terminou no passado fim-de-semana, 16 e 17 de Setembro, destacando-se as prestações de Vitor Soares, com dois segundos lugares na categoria de cadete um em cada etapa, atleta formado nas escolas de BMX. Carolina Claro e Filipa Lopes com posições alternadas durante o fim de semana, com um segundo e um terceiro lugar para cada uma. Sauro Agostinho em Homens 17-29 a finalizar em 2 lugar na etapa de sábado, no domingo acabou em 4º lugar. Zéto Figueiredo correu na categoria de open, conseguiu um 3º e 2º lugares nas etapas de sábado e domingo respectivamente.

Pedro Gaspar conseguiu dois 5º lugares em Homens 17-29 nas duas etapas de Lisboa; Pedro Pinto em Cruiser a conseguir um 5º e 6º em cada um das etapas e David Alberto em juvenil conseguiu passar as finais da sua categoria acabando em 7º e 6º em cada uma das etapas, já Tomás Chumbo em cadetes acabou em 7º nas duas etapas.

Siga-nos

Cerimónia Mostr `arte 2017 na Feira do Ano

AO VIVOInserido no ciclo Mostr´arte 2017, a Casa do Povo de Abrunheira  está a realizar vários edifícios da Instituição  várias criações, inseridas num conceito de arteterapia. Um propósito patente também na mais recente aposta da Instituição, um Ginásio de Reabilitação Física e Neurosensorial, cujos espaços contemplam igualmente a arte temática como forma de terapia.

Outra das criações foi um mural alusivo ao 25 de abril de 1974, cuja inauguração fez parte do programa oficial de comemoração da efeméride por parte da autarquia Montemorense.

Durante o Festival do Arroz e da Lampreia, António Conceição retratou várias figuras ilustres que elevam em diversas áreas o nome de Montemor-o-Velho.

Para que todos reconheçam a importância de enaltecer o papel dos montemorenses em áreas como a cultura, o desporto e as ciências, a Casa do Povo de Abrunheira entendeu oferecer este importante espolio à Biblioteca Municipal de Montemor-o-Velho, ato simbólico que decorrerá este domingo, 10 de Setembro, no recinto da Feira do Ano em Montemor-o-Velho.

Quanto aos homenageados, Afonso Duarte, nasceu na Ereira, professor da Escola Normal, interessado pela etnografia e arte popular, deixando isso patente na sua vasta obra poética.

Alves Barbosa, ex-ciclista, um nome maior do ciclismo nacional, venceu a volta a Portugal em 1951/56/58, participou na volta à França e foi treinador da modalidade, distinguido com a medalha de ouro, da juventude e dos desportos em França e dá nome ao Troféu de ciclismo que decorre entre Montemor-o-Velho e Sangalhos.

Fernando Ramos, reputado homem das ciências, professor associado com agregação em farmácia pela Universidade de Coimbra, autor e co-autor de mais de 100 publicações e alguns artigos em revistas internacionais da especialidade. Distinguido pela Real Academia de farmácia de Espanha, Vice-presidente do conselho executivo da ASAE e presidente da Assembleia Municipal de Montemor-o-Velho.

Siga-nos

Casa do Povo de Abrunheira presente com campanha solidária na Feira do Ano

FOTO DIA 1A Casa do Povo de Abrunheira está presente na Feira do Ano em Montemor-o-Velho.
São várias as iniciativas que ao longo do ano acontecem, nas quais se inserem as presenças com uma Tasquinha Solidária no Festival do Arroz e da Lampreia e na Feira do Ano em Montemor-o-Velho.
A presença deste ano tem o propósito de angariação de fundos para um Ginásio de Reabilitação Física e Neurosensorial e Quartos Neurosensoriais, que aliam bem-estar à terapia.
Este arrojado projecto assume-se como um cluster de conhecimento adquirido, fruto de um diagnóstico real de necessidades, conjugação de infra-estruturas e serviços já existentes com outras a criar, aliando a experiência que a CPA possui nestas áreas com a inovação.

Alicerçada na filosofia da inovação social dimensionado à realidade demográfica e geográfica onde se insere não desenraizando as pessoas e criando soluções viáveis de acordo com o poder económico das famílias.
Este projecto visa dar “mais memória à memória” através de vários estímulos e ao abrigo de várias respostas e soluções terapêuticas que aliam a medicina convencional à alternativa, resultando de uma análise recente às reais necessidades de uma importante franja da população. Permite também a recuperação de pessoas mais jovens sujeitas a AVC´s e doenças neurodegenerativas, recorrendo a métodos de Realidade Virtual, Realidade Aumentada e Arte Interativa, aliadas ao conceito Snoezelen, como formas de criação de ambientes de estimulação sensorial virtuais e reais, integrando diversas técnicas no conceito de Ginásio de Reabilitação Neurosensorial e Quartos Neurossensoriais, que contemplam ainda Arteterapia inserido no Mostr´arte a decorrer na Instituição durante todo este ano.

De resto, nesta Feira do Ano pode apreciar o artista plástico António Conceição a pintar ao vivo a figura de um ilustre Montemorense.
No domingo, 10 de Setembro, pelas 19:30, a Casa do Povo de Abrunheira realiza no âmbito do Mostr´arte 2017, a cerimónia de entrega à Camara Municipal de Montemor-o-Velho, das telas pintadas ao vivo no decorrer do festival do Arroz e da Lampreia.

Siga-nos