ACES Baixo Mondego rubricou Compromisso de Parceria com Casa do Povo de Abrunheira

O Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego rubricou com a Casa do Povo de Abrunheira um Compromisso de Parceria no âmbito do projecto “Dar mais Memória à Memória” a ser desenvolvido pela instituição abrunheirense e que prevê dar resposta a nível nacional a utentes com demência, seus cuidadores e comunidade em geral.

O objectivo deste projeto reside na promoção de uma forma incessante da estimulação da memória e outras áreas afectadas de forma a contribuir para a tranquilidade, o bem-estar, a qualidade de vida tanto de clientes como familiares/cuidadores e ao mesmo tempo reactivar e sugerir a regeneração neuronal e preservar as áreas intactas. Uma outra vertentes, será a formação dos cuidadores tanto a nível interno como externo.

O  Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego auxiliará na divulgação do projeto e no encaminhamento de utentes.

Siga-nos

A Casa do Povo de Abrunheira vai estar na Feira do Ano com a sua Tasquinha Solidária

A Casa do Povo de Abrunheira vai estar presente na Feira do Ano em Montemor-o-Velho, uma vez mais com uma Tasquinha Solidária.

Este tem sido nos últimos anos o mote da presença desta instituição através de originalidade, dedicação e excelência das propostas gastronómicas que apresenta, sendo reconhecida por tal, inclusive granjeando vários prémios na área gastronómica e distinção na área cultural.

Este ano, a Campanha Solidária de angariação de fundos reverte inteiramente para criação de equipamentos neurosenssoriais.

Atualmente está a desenvolver nas suas três Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI´S, um projecto inovador direcionado para a doença de Alzheimer e outras demências, um flagelo crescente na nossos sociedade, com números alarmantes de crescimento e com uma rede de resposta extremamente deficiente, acarretando esta doença gravíssimos problemas sociais e económicos, com enorme impacto no doente e nos seus cuidadores.

Estas estruturas de reabilitação neurossensorial são compostas por quartos neurossensoriais, jardins sensoriais, parque temático para tratamento dos problemas da mente, composto por diversas terapias que estimulam os sentidos e tratam do corpo  e da mente, aliando a medicina convencional à alternativa apoiadas por uma equipa de saúde transdisciplinar, com médico, enfermagem, psicologia, terapia da fala, terapia ocupacional, naturopatia, reiki, entre muitas outras

Entretanto visite-nos e aprecie ao vivo a nossa galeria de arte neurossensorial que está a ser desenvolvida nas nossas instalações.

Para saber mais, visite a Tasquinha Solidária da Casa do Povo de Abrunheira na Feira do Ano a partir de 1 de Setembro, Almoce, jante ou disfrute das fantásticas tapas CPA e sinta o gosto de ajudar!

Siga-nos

Casa do Povo de Abrunheira celebra protocolo de Cooperação com Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação de Coimbra

Foi realizado recentemente um estudo que permitiu à Casa do Povo de Abrunheira aferir as reais necessidades da comunidade, observando-se a falta de respostas a nível nacional para utentes com demência que causam declínio progressivo ou crónico da função cognitiva, afectando a memória, pensamento, comportamento, linguagem, cálculo, aprendizagem e emoções.

É do beneficio mútuo o aprofundamento das relações de cooperação, tendo em vista o desenvolvimento do conhecimento teórico-prático nas áreas cientificas da Psicologia, Ciências da Educação e Serviço Social, daí se conclui  a utilidade e pertinência deste protocolo que abrangerá a realização de actividades de observação em contexto de trabalho e de estágios curriculares de graduação e pós graduação dos cursos da FPCEUC, bem como de outras ações que se revelem uteis. Este protocolo foi rubricado pelo Presidente da direcção da Casa do Povo do Povo de Abrunheira, José Carvalho e pelo Professor Doutor António Gomes Ferreira, Diretor da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação de Coimbra.

Siga-nos