A Cultura Coimbrã como arte Neurosensorial desenvolvida na Casa do Povo de Abrunheira

A Torre da Universidade de Coimbra, tem 33,5 metros de altura, constitui o emblema tradicional de Coimbra. Começou a construir-se em 1728 e foi terminada em 1733. No topo sobre o relógio, abre-se um miradouro do qual se desfruta uma panorâmica esplendorosa da cidade e do vale do Mondego . Nesta Torre está colocada, entre outros sinos, a célebre « cabra », que marcava as horas do despertar e do recolher dos estudantes.

A representação deste símbolo de Coimbra está em desenvolvimento num dos Quartos Neurosensoriais da Casa do Povo de Abrunheira, inserido num projeto Neurosensorial de Inovação Social.