CASA DO POVO VENCE SOB CONDIÇÕES CLIMATÉRICAS ADVERSAS

A Casa do Povo de Abrunheira venceu a Maratona Rota da Lampreia, em Penacova, sendo a 2º etapa da Taça XCM do Centro, em Master 30 com o primeiro lugar de Fábio Pedrosa e Master 55 por Carlos Coutinho.

Numa prova disputada sob extremas dificuldades climatéricas, que tornaram os trilhos ainda amais difíceis e levam ao limite o esforço dos atletas, em estado perto de hipotermia, provocando também algumas desistências por avarias, apesar disso há ainda outros resultados dignos de relevo como o 2ª lugar de Dário Pereira em Master 35, Carlos Silva em Master 50, o terceiro lugar de Rúben Mendes em Juniores, Jorge Faria em Master 50 e Mário Marinheiro em Master 55. Outro escalão, Elites, cujo esforço dos atletas foi recompensado, Tiago Silva foi quinto, Fábio Ferreira foi sétimo e Filipe Campos oitavo.

Numa entrega de total raça e querer de todos a ABTeam conquistou o segundo lugar por equipas.

Siga-nos

ATIVIDADES INTERGERACIONAIS NA CPA

A Casa do Povo de Abrunheira recebeu a visita de um grupo de alunos da Escola Tecnológica e Artística de Pombal. Os jovens que estão em fase de conclusão do seu percurso formativo, no caso na área de Auxiliar de Ação Médica, participaram nas dinâmicas diárias de atividades promovidas pela Instituição, comprovando a importância da partilha e convívio intergeracional.

Siga-nos

CASA DO POVO DE ABRUNHEIRA VENCE NA 1ª PROVA DA TAÇA XCM


A Casa do Povo de Abrunheira vence na 1ª Prova da Taça XCM que decorreu este fim-de-semana na Pocariça, Cantanhede.Nesta décima edição do evento desportivo de BTT, a equipa ABTeam, equipa de ciclismo da Casa do Povo de Abrunheira venceu na categoria master 30 com a magnífica prestação de Fábio Pedrosa , Dário Pereira não deu hipóteses à concorrência em master 35, em master 50 Jorge Faria terminou em segundo, Carlos Coutinho foi melhor que todos os outros no escalão master 55, tendo Mário Marinheiro assegurado o “bronze” igualmente neste escalão.A prova ficou marcada por alguns contratempos e lesões que impediram alguns atletas de terminarem, tendo a equipa dedicado estas vitórias a esses atletas com votos de rápidas recuperações.Ainda assim há mais resultados a destacar, como o 5º lugar de Rúben Mendes em juniores, 5º lugar de Tiago Dias em master 35, 7º lugares de Tiago Silva em elites, Mauro Grácio em master 40 e Vítor Romão em betetista, bem como o 8º lugar de Nuno Coutinho em master 35, 10º lugar de Carlos Silva em master 50 e 13º lugar de Fábio Ferreira em elites.

Siga-nos

CASA DO POVO DE ABRUNHEIRA ENTRA À CAMPEÃ NA TAÇA!

A  Casa do Povo de Abrunheira conquistou os três primeiros lugares do pódio na 1ª prova da Taça Regional XCO do Centro que decorreu em Nariz.
Carlos Coutinho foi melhor que todos, seguido de Carlos Silva e Jorge Faria, deixando o podio no escalão Master 50 exclusivamente com as cores da ABTeam.
Destaque ainda para o segundo lugar de Vitor Romão em Betetistas, o quarto lugar de Tiago Dias em Master 40 e o sexto de Rubén Mendes em Junior.

Siga-nos

“Mais Conforto Melhor Mente” implementado pela Casa do Povo de Abrunheira

A Casa do Povo de Abrunheira melhorou substancialmente a qualidade de vida dos clientes institucionalizados, através do projeto “Mais Conforto Melhor Mente” apoiado pelo Programa EDP Solidária – Inclusão Social 2018.

Através deste projeto, a instituição aumentou o bem-estar e o conforto térmico na sua Residência Sénior Baixo Mondego, criando igualmente, a portadores de demência, a receptividade necessária para receber estímulos diariamente, com vista a tornar o sistema cognitivo mais interactivo com o meio que o rodeia.

Na prática a intervenção consistiu na realização de obras de calafetagem e instalação de equipamento de climatização, um sistema de Água Quente Sanitária (AQS) e um sistema anti-legionella.

Estas melhorias beneficiam não só directamente os clientes institucionalizados, como  toda a cadeia de cuidados prestados, com melhorias físicas e térmicas nos equipamentos, melhorias nos fluxos das actividades diárias de higiene, segurança, alimentação e cuidados de saúde que lhes são prestados, bem como aos profissionais a si dedicados e também muito importante, num ambiente de receção dos seus familiares, com espaços aprazíveis com vista sobre o baixo mondego, numa bela sala panorâmica, devidamente climatizados, não descurando as novas opções que passou a disponibilizar para o desenvolvimento das terapias complementares e actividades de animação que lhes são agora ministradas.

Em termos terapêuticos, a evolução e o impacto que tem tido nos clientes tem sido muito positivo, assim como na opinião dos seus familiares, expresso através de questionários de satisfação que lhe são disponibilizados.

Em suma, este apoio da Fundação EDP à Casa do Povo de Abrunheira, veio comprovar que a aposta em verdadeiras soluções de inovação social, são profícuas e beneficiam toda a comunidade.

Siga-nos

CASA DO POVO DE ABRUNHEIRA VENCE ENTRE A ELITE NACIONAL

A equipa de BTT da Casa do Povo de Abrunheira conquistou vários pódios no Racenature que ligou Montemor-o-Velho á Figueira da Foz.
Uma competição realizada em alguns escalões por duplas envolvendo 280 atletas, com nomes de referencia no BTT nacional e ex-ciclistas profissionais, tendo a equipa de BTT da Casa do Povo e de Abrunheira conquistado por Nuno Coutinho e Tiago Silva da ABTeam conquistado o seguindo lugar em Elites e Dário pereira e Fábio Pedrosa o terceiro lugar do pódio em Master 30. Já em Master 50, Carlos Coutinho e Carlos Silva alcançaram o bronze do pódio.
A organização deixou a promessa de regressar no próximo ano, tendo realçado a organização de topo a nível nacional e as excelentes condições que os dois municípios proporcionaram á prova, incluindo incutir-lhe um âmbito internacional.
A Racenature foi uma prova que aliou três dias de prática desportiva com um ambiente familiar, em que os atletas e as famílias que marcaram presença na competição conviveram de uma forma diferente, com cariz ambiental, tendo sido feito um eco-sorteio com recurso às embalagens e identificações que os participantes mantiverem em sua posse durante a competição. As práticas de eco-sustentabilidade valeram brindes aos atletas André Batista, Rui Babo e à dupla da Casa do Povo de Abrunheira Vítor Romão e Rui Babo.

recordamos os resultados:

Elites

Dupla Tiago Silva e Nuno Coutinho – 2º Lugar

Dupla Filipe Campos e Fábio Ferreira -5º Lugar

Master 30

Dupla Fábio Pedrosa e Dário Pereira – 3º Lugar

Tiago Dias e Mauro Grácio – 8º Lugar

Master 40

Dupla Jorge Faria e Vitor Romão – 5º Lugar

Master 50

Dupla Carlos Silva e Carlos Coutinho – 3º Lugar

Siga-nos

Governador do Distrito Rotário 1970 visita projeto inovador da Casa do Povo de Abrunheira

Projeto da Casa do Povo de Abrunheira, inovador a nível mundial e reconhecido a nível europeu, foi visitado pelo Governador do distrito rotário 1970.

Ao Governador Rotário, Luís Carvalhido da Ponte acompanhado por Mariana Trindade, Presidente do Clube de Serviços de Montemor-o-Velho, foi apresentado o projecto “Dar Mais Memória à Memória”, que se assume como um “laboratório” para trabalhar com as demências numa maneira natural, com medicinas alternativas, com estimulação mais à base musical, cor, frequências e tecnologia que permite trabalhar arte estática com arte dinâmica através de videoprojeção.

Este projecto, em parte apoiado pela Comunidade Europeia, que reconheceu que é mesmo uma inovação permite desenvolver este conceito inovador, através por exemplo, Quartos Neurosensoriais onde são “animadas” as representações artísticas de cada espaço, com brisas, os cantos e sons alusivos á representação em causa, os aromas, tudo isso até em termos de climatização.

Ao mesmo tempo, os resultados são permanente mente monitorizados por uma equipa de saúde multidisciplinar.

A noite provoca em pessoas portadores desta patologia, uma maior confusão, mais ansiedade, depressão e tentativa de fuga, Com este método pretende-se criar uma luminosidade perto da luz solar, aproximada a 10 mil lumens, para combater o “síndrome do pôr do Sol”.

Na prática, como quando a noite começa a cair , o cliente vê luz…ao mesmo tempo ouvem os pássaros característicos da sua região e do período do dia a que reporta, para que não tenham a percepção que se está a pôr o sol.

Quando se avança para o estado de repouso, esses sons mudam para uma música e sons relaxantes.

Siga-nos