Festa da Cereja promete ser a maior edição de sempre

A Casa FSTA DA CEREJAdo Povo de Abrunheira realiza esta quinta-feira, 9 de junho, a já habitual Festa da Cereja.

O evento, marcado para todo o dia no Complexo Social Sénior, permite reviver os costumes desta região que outrora envolvia bastante mão-de-obra na apanha da cereja e sua comercialização, permitindo à Abrunheira ser conhecida como capital da cereja do Baixo Mondego.

Para perpetuar a memória, inclusive daqueles que antes se dedicavam a essa actividade e agora são clientes da Instituição e tratando-se de uma actividade praticada por muita gente que se deslocava de concelhos vizinhos, a CPA realiza uma vez mais esta actividade que este ano promete ser a maior de sempre.

São esperados mais de seis centenas de seniores num convívio que juntará clientes do Centro Social e Paroquial de Arazede; Centro Social e Paroquial da Carapinheira; Centro Social e Paroquial de Meãs; Centro Social e Paroquial de Verride; Centro Social e Paroquial de Santo Aleixo; Centro Social de Alfarelos; Centro de Dia da Ereira; Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Velho; Santa Casa da Misericórdia de Pereira; Santa Casa da Misericórdia de Tentúgal; Quinta Verde; Associação Cultural Recreativa e Social de Samuel e a instituição anfitriã a Casa do Povo de Abrunheira.

Este promete ser um dia recheado de bom convívio e boa gastronomia, com os sabores típicos da época que vivemos sendo a cereja e a sardinha as rainhas da festa, destacando-se o objectivo da promoção de actividade física com actividades de expressão motora, animação constante tanto durante o almoço como pela tarde com actuação da Tuna da Universidade Sénior da Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Velho, Rancho das Cantarinhas “Flores das Tricanas” da Abrunheira e apresentação das Marchas Populares protagonizadas pelas IPSS`s convidadas para este encontro, juntando instituições dos concelhos de Montemor-o-Velho e Soure